sexta-feira, 22 de junho de 2007

Cataplana do mar

Com a chegada do verão, o peixe ganha a liderança na minha cozinha. Grelhado, assado, cozido, frito, confitado, ao vapor, cru … de todas as formas e feitios.
Cozinhado na cataplana, o peixe mantém um suculência apreciável.
Para além do mais, como os ingredientes entram todos em cru, todos se respeitam e não há lugar a grandes interferências de sabor.

Nesta cataplana entraram 3 dos meus peixes de que mais gosto em cataplana: tamboril, cherne e salmão.
Houve ainda espaço para umas gambas (com casca e sem casca), umas amêijoas e uns aros de lula, sem esquecer, o tomate (maduro), a cebola, o alho, o pimento, o azeite, o sal, o piri-piri e, claro, uma boa mão cheia de coentros.

7 comentários:

Joana disse...

Bem, até parece que lhe senti o cheiro! Que delícia...
Gosto muito de cozinhados na cataplana mas como não tenho só tenho esse prazer de longe a longe. Para já fico só pela vontade mas qualquer dia perco a cabeça e compro uma! :-)

Elvira disse...

Não resisto a cataplana! É um prato tão bom! :-)

Duly disse...

Me deu água na boca!Adoro as receitas com peixes e frutos do mar
Adorei estar aqui,suas receitas são LINDAS!

Agdah disse...

Menina, que coisa linda!!!

Cláudia A. disse...

Comi cataplana quando estive em Portugal. O sabor e a textura dos peixes ficam inigualáveis.

Beto disse...

Quando for a tua casa quero este prato!!eheheh
Beto

jonnhy peter disse...

O aspecto traduz na perfeição o sabor! ; )
Sim, sim, estava lá e tive a sorte de provar uma refeição feita por ti... DELICIOSA!

Kiss!