sexta-feira, 30 de março de 2007

Peito de frango recheado com queijo da serra e barquinho de arroz basmati



O peito de frango é como um bom lombo de bacalhau: safam-nos sempre em caso de emergência. Basta abrir o frigorífico e ver o que por lá há (haverá forma mais eficaz de estimular a inspiração culinária??).
Quaisquer 20 minutos são suficientes para lhes dar uma nova alma:


4 peitos de frango
alho q.b.
sal q.b.
1 colher de café de mostarda
pimenta q.b
sumo de ½ limão
2 fatias de bacon
4 colheradas de queijo da serra
½ shot de vinho branco
1 colher de chá de mel
sésamo preto

Temperei os peitos de frango com sal, limão, pimenta e alho. Dez minutos depois, abri-os e coloquei no meio de cada um deles meia fatia de bacon e uma colherada de queijo da serra. Prendi com um palito. Barrei-os levemente com mostarda e levei-os ao forno com o líquido da marinada onde foram temperados e um borrifo de vinho branco.
Quando estavam já coradinhos (e porque é uma carne particularmente seca) passei a parte de cima de cada um deles com uma faca com mel e espelhei-o. Achei que o sésamo preto faria um contraste engraçado com a pele rosadinha do frango.
Servi com arroz basmati em cima de uma folha de brick (mais ou menos) em forma de barco, ao que acrescentei umas sementes de girassol.

1 comentário:

Eliana Scaramal disse...

Que delícia de receita! Adorei!